terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Na medida do possível seja independente

Nós pacientes de câncer, sofremos os efeitos colaterais de cirurgias, quimioterapias, radioterapias, medicamentos, etc..

Tudo isto abate o nosso corpo e muitas vezes nos sentimos fracos e dependentes dos outros para a realização de algumas simples tarefas, ás vezes até pegar um copo d´agua.

Não deixe de pedir ajuda quando necessário, mas na medida do possível conforme você vai melhorando tente ser independente naquilo que você pode fazer sozinho.

Existe a tendência da gente se acomodar e também as pessoas querem ajudar e acabamos por ficar mal acostumados.

Realizar as nossas próprias coisas, mesmo que simples, com o tempo traz um sentimento
de auto-domínio, de auto-estima muito importante na recuperação.

Também vai tirando o corpo da inércia e ele começa a entender os nossos objetivos, que queremos viver, que queremos voltar a ativa, que não vamos nos deixar ficar prostrados numa cama eternamente.

Isto também traz um sentimento para as pessoas a sua volta que você já está reagindo, tá se virando, e traz um bem-estar e um conforto.

Porém não seja orgulhoso, naquilo que você ainda precisa de ajuda não se acanhe em pedir

4 comentários:

  1. Muito sensato. Como disse Barack Obama, "yes, we can". Beijos, Angela

    ResponderExcluir
  2. Oiii,boa tarde meu amigo,que lindo ,amei,queria te deixar uma palavra também...Hoje, entendo que anjos nada mais são que pessoas e que Deus colocou em nosso caminho para servir de luz e guiar nossos passos pela estrada da vida.
    Resumindo: anjos na minha visão são amigos especiais.brigadooo vc e teu blog são especiais,uma semana com muita luz!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Felipe!!!!!

    Gostei muito do Post!!!!
    Tenho tentado ser independente a vida toda.
    Não é fácil mas a gente se sente melhor.
    As vêzes sinto que preciso de um colinho e chooooooro.Quando consigo fico muito feliz.
    É tão bom!
    Beijo!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Muito verdadeiro isso, eu que estava dependendo de tudo, tudo mesmo, agora me sinto feliz em poder ir até a cozinha pegar água, deitar sem ajuda, se vestir.... Como é bom começar a voltar a vida! Te desejo muita luz e paz! Um abraço!

    ResponderExcluir